Um colunista social de revista de fofocas sai de férias e resolve ir para uma fazenda de um parente. Lá, o fazendeiro manda-o jogar esterco num campo, imaginando que o colunista irá levar o dia inteiro. Uma hora depois ele volta para o fazendeiro dizendo que está terminado. O fazendeiro vai verificar e o serviço foi concluído eficientemente.
Ele dá então outra tarefa: separar batatas em três montes: grandes, médios e pequenos.
De noite, o colunista não aparece. dia seguinte ele não vai almoçar. O fazendeiro vai tenta saber o que aconteceu. O jornalista está na frente das batatas, com apenas três batatas separadas.
-Não entendo! – espanta-se o fazendeiro – O senhor cuidou do esterco em uma hora e não consegue separar as batatas em três montes?
– É que… espalhar merda é comigo mesmo.